quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Nem sou tão corajosa e inteligente quanto aparento

Gente o título acima não é nenhum demérito, mas uma constatação. As vezes acho que as pessoas me veêm de uma maneira muito melhor do que realmente sou. Mas porque estou falando isso? É que na terça feira recebi um telefonema de uma pessoa convidando para partiicpar de uma reunião com os candidatos ao governo aqui do Estado. A pessoa me disse que será uma reunião com pouquíssimos convidados e que vão cobrar alguns  posicionamentos dos políticos. Em seguida haverá um debate aberto ao público, evento para o qual também fui convidada.  Confesso que fiquei com uma vontade de dizer não, mas não tive coragem de negar o pedido. Disse não em tantos outros momentos que fiquei sem graça de negar mais uma vez a minha participação.

A verdade é que estou cansada de discutir certas coisas, um pouco desanimada com a política. Nunca fui neutra, sempre tive minha posição, sempre participei, mas de uns anos pra cá cansei um pouco. Digo pra vocês com toda a sinceridade que esse não é, pra mim, um sentimento fácil de assumir.

Não quero, pois vai contra todos os meus princípios, fazer campanha pelo voto nulo ou branco, defender o fim dos parlamentos e outras frentes que estão nas ruas por causa do  total descrédito do povo em relação a classe política. Mas que estou cansada estou. Na verdade fico me perguntando se minha participação é mesmo importante num evento como esse. Será que farei alguma dierença? Será que farei algum questionamento relevante? Quem me convidou disse que sim, que minha história de vida, minha atuação nos movimentos sociais, minha luta pela defesa dos Direitos Humanos credenciam minha presença. Confesso, mais uma vez confesso, que não tenho tanta certeza disso.

Bom de qualquer forma estarei  lá amanhã, no final da tarde, participando da reunião. Talvez eu cobre ou peça que eles se comprometam em abrir concurso para Bibliotecários nas Escolas Estaduais e que a Biblioteca Pública do Estado seja gerenciada por um profissional da Biblioteconomia, uma luta dos profissionais da minha área. Também quem sabe eu não consiga sair desse marasmo (político) que me abateu e faça com que se comprometam a nunca mais colocar presos em celas metálicas (as celas micro ondas) e que nos postos de saúde o povo tenha atendimento de qualidade. Mas, sinceramente continuo achando que me consideram muito mais inteligente e corajosa do que sou.

E mais uma vez, vou confessar uma coisa, um dos candidatos eu simplesmente abomino, detesto, tenho horror. Sabe quando você olha para a pessoa e vê algo muito ruim? Não, tecnicamente a pessoa nem é tão ruim. O problema é, digamos assim, pessoal, moral, sei lá o que mais. Com que cara estarei na frente dessa pessoa, não sei. A única certeza é que não será uma cara boa e tenho medo que isso me faça mal.

Amanhã estarei aqui na Blogagem Coletiva proposta pela Glorinha do Café Com Bolo. No sábado vou postar os meus 7 nãos da moda, uma brincadeira proposta pela Eliane do Casinha de Eliane.

Agora deixo aqui mais um trabalho feito por mim, entregue essa semana.




Aos queridos e queridas que passam por aqui deixo o meu abraço carinhoso.


9 comentários:

Luma Rosa disse...

Acho que deve dar um voto para você! As vezes não enxergamos em nós qualidades que as outras pessoas enxergam e por insegurança deixamos de fazer coisas! Depois conta como foi! Beijus,

Chica disse...

Essas coisas de políticos nos deixam mesmo com um pé atrás. Lindos trabalhos.beijos,tudo de bom,chica

JOANA CAMPOS disse...

hehhehe ah Amiga, vai lá. quem sabe?

Menina, ainda consguirei fazer coisas tão lindas quanto essas, afinal aprender nunca é d+!

Ah por falar nisso, postei hj minhas primeiras costurices, vai lá ver e dar seu pitako.

Bjs

Joana Campos

Dora Regina disse...

Muito lindo seus trabalhos, também faço bordados em ponto de cruz, tenho verdadeira paixão...
Um abraço!

Nika disse...

Lindos trabalhos!!!!!
Sobre politica é complicado , eu mesma não entendo quase nada, mas se te chamaram é pq vc tem qualidades e talvez vc mesma não esteja botando tanta fé, vai lá e vê o que acontece e nos conta depois..
Bjs

Nilce disse...

Gi, vai lá sim, acredita que pode tentar pelo menos mudar alguma coisa.

Nossa que trabalhos lindos, menina!
Quanto capricho! Parabéns!

Bjs no coração!

Nilce

Blog da Anabela Jardim disse...

Também já me senti assim algumas vezes. A política está ruim, mas fica pior se não participarmos.
É a primeira vez que entro no seu blog e de cara já fiquei apaixonada pelos bordados. Parabéns!

Blog da Anabela Jardim disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maria Célia disse...

Olá!
Trabalhos super bonitos.
Quanto à sua participação neste debate, não sei,sou tão avessa à política, que fico até envergonhada com esta minha aversão.
Entretanto, talvez você deva ir, por tudo que você falou no post, sua participação ativa no passado,são suas melhores credenciais para participar.
Tudo de bom pra você.
Grande abraço.