quarta-feira, 23 de junho de 2010

Por Que os Ipês Florescem no Inverno?

Andava distraída pela rua e alguma coisa me chamou a atenção no meio da praça. O ipê rosa, imponente, a despeito da falta de cor entre todos os arbustos e plantas, estava lá lindo e florido, enfeitando o final desta manhã de inverno em que o coração não consegue enxergar motivos para alegria.
Praça Costa Pereira onde passei hoje pela manhã

Mas por que será que os ipês teimam em florescer nesse tempo em que a gente  se esconde do vento e da chuva fina? Por que será que eles brotam lindos e faceiros quando as praças estão vazias e os bancos que moram lá ficam  sozinhos e tristes  sem ouvir as confidências do  casais enamorados? Por que?
Segundo o filósofo e escritor Rubem Alves os ipês florescem no inverno porque  é um tempo é frio e seco e então as árvores ficam com medo de morrer. Por isso produzem, florescem e ejaculam suas sementes ao vento. Antes de morrer oferecem  um grande orgasmo de cor e beleza."

Entendi, é como se diante de dias cinzentos, melancólicos sem o brilho do sol,  os ipês saudassem, antecipadamente, a primavera que logo chegará.  


Quanto mistério há na natureza, numa árvore simples que se impõe majestosa nesse tempo no meio da praça, quanto mistério! Quanto mistério há também no coração da gente  que teima em chorar hoje mas que amanhã certamente há de encontrar dias ensolarados de esperança para viver.

22 comentários:

Lulú disse...

Que bonito , o que o Rubem Alves escreveu sobre o ipê. Bela descoberta. Mais bonito ainda é seu comentário. Me tocou profundamente. É como imagino nossas vidas.
Obrigasa amiga Giovanna.
Beijos.

Beth/Lilás disse...

Adorei o que disse R.Alves sobre esta linda árvore!
Realmente, nesta época, lá na minha serra tem muitos deles, floridos, saudando a nova estação que aliás é uma das minhas preferidas, gosto de frio. rsss
bjs cariocas

Isadora disse...

Gi, que vista maravilhosa para os dias cinzentos. Um choque de cor para alegrar o inverno. E melhor você ter tido o olhar para perceber tamanha exuberância.
Um grande beijo

orvalho do ceu disse...

Olá, querida
Toda as estações do ano têm coisas lindas. No inverno, uma delas é o ipê.
Lindo demais!
Bjs e fique na paz!

calma que estou com pressa disse...

oi Giovana! QUE COISA MAIS LINDA! por aqui também os ipes enchem a paisagem - só que predomina o amarelo fica lindo também
bjs

Cris França disse...

Linda mensagem Gi

é a vida dando seu recado, lembrando-nos de flor, mesmo quando nos sentimos ressecados.

beijos

Teresinha Ferreira disse...

Olá Giovana,
Eu adoro os ipês!!!
De certa forma me remete a minha infância.
Belíssimo post.
Fique bem
Bjs mil

Paula Betzold disse...

Que linda mensagem Giovana... alem de tudo achei graça, a minha filha aprendeu outro dia o nome Ipe amarelo... toda planta (verde, azul, rosa, vermelha) é ipe amarelo pra ela!!! vou mostrar a foto do ipe rosa pra ver o que ela acha! beijos

Fátima disse...

Olá Giovanna, espero o inverno para ver florescer um enorme Ipê que tem bem em frente a minha casa, rosinha intenso como esse da foto.
Aceito a definição de Rubem Alves, e achei linda.

Beijinho.

Luma Rosa disse...

Choramos para lavar a alma, não é? E dizem que sabemos quando amadurecemos quando rimos de algo que já nos fez chorar. As flores seriam o choro da natureza? Emoção exposta e repercutida? Ou seria a alegria tão bem descrita pelo cronista! Não sei! As plantas florescem quando alcançam a maturidade e encontram o ambiente propício! É Deus nos ofertando alegrias! Beijus,

Priscila Rodrigues Bittencourt disse...

Amiga...
Passando pra desejar um ótimo dia!!!
BEIJOS
;)

Barbie Girl disse...

Lindíssima essa árvora, a gente tinha ela em nossa casa do interior, mas teve que ser cortada por conta da raiz... uma pena!!

beijos

Mara D'Almeida disse...

Olá Giovanna!!!
Amo essa forma conotativa de ser escrita. Essa descrição comparativa. Me delicio com isso. Esse escritor, Rubem Alves, fez de um simples florescer, um poema. Amei também a foto da nossa praça Costa Pereira, na realidade sou apaixonada pela nossa cidade. Muito bom, muito criativo seus questionamentos. Amei!
P.S.: Vc recebeu meu currículo?
Abraços, Mara

Wlady disse...

Oi Gi!!!!
outro dia eu estava esperando minha filha na porta da escola e fiquei observando um ipê - como é lindo!
Gi, andei como vc falou naquele post mais abaixo, passei alguns dias irritadíssima, vontade de socar muita gente (não sou assim, procuro sempre ser educada com todos). Fiquei envergonhada com minhas atitutes e acabei até tomando um remedinho fitoterapico e agora ando bem mais tranquila. Sei lá que bicho me mordeu - hehehehe
grande bjk

Glorinha L de Lion disse...

Lindo! O ipê rosa contra esse céu azul no fundo, dá pra imaginar que de cinza, nada tem nesse dia...cinzas ficamos nós amiga, que nos deixamos entristecer com as coisas da vida... Espero que esse dia luminoso de inverno te ilumine tb por dentro.Beijos.

Wevertton disse...

Precisava de ver a minha cara, qnd li que elas tem medo de morrer e por isso florecesem. Bom mas acho que é bom. Pois no iverno fica tudo cinzento e sombrio, e pelo menos ela ta ali pra da uma cor ;DD

Beijos. Passa la

Elenice Laet disse...

Que lindo mesmo!
Eu não sei ai, mas por aqui é impressionante a quantidade de girassóis que tenho visto...vou tentar fotografar...
Amiga, passei pra dizer que tem selinho lá no meu cantinho...pra você...um beijo e dias floridos!!s2s2

Lu Souza Brito disse...

Como diz uma amiga querida: É um desbunde de tanta beleza!

DRI (No Doce Lar) disse...

Oiiiii vim aqui te visitar e dizer que ameiiiiii a mensagemmmm! bjussssssss da dri!

Maria Lúcia - Asas da Imaginação disse...

Oi Gi! Lindo ipê! Eu também sou apaixonada por eles.
Beijos.

Marliborges disse...

Gi, que coisa linda esse ipê! Eu tenho um aqui na minha casa que está cheinho de flor!!! E tenho amarelo também!!! Cada um mais lindo que o outro. A natureza é fantástica e sábia. No inverno a gente precisa um empurrãozinho, não é? Bjssssss

pensandoemfamilia disse...

Que emoção nos dá este mistério de vida e morte. Que forma linda que encontrou através do grande escritor de nos falar sobre o Ipê.
bjs